Estudo Comparativo Aberto 2010

“Melhoria da qualidade espermática após a suplementação com micronutrientes”

Desenho do estudo

Conduzido pelo Dr. Martin Imhof, este estudo aberto comparativo foi realizado no Centro de Fertilidade da Clínica Médica Internacional de Viena na Áustria, entre Janeiro de 2006 e Outubro de 2010. Um grupo de 132 homens com subfertilidade masculina (grupo tratamento) foram convidados a tomar duas cápsulas por dia do ingrediente ativo (PROfertil®) por um período de três meses entre a primeira e a subsequente análise de esperma. Cada cápsula com o ingrediente ativo continha L-carnitina, L-arginina, zinco, vitamina E, glutationa, ácido fólico, coenzima Q10 e selénio. O grupo controle composto por homens com subfertilidade não receberam substância ativa (n = 73). O método de avaliação foi realizado através de espermograma padronizado, efetuado no início e após três meses de tratamento. Os critérios de inclusão foram: idade> 18 e

Estudo Comparativo Aberto 2010

Detalhe dos resultados do estudo:

Melhoria da qualidade do esperma em homens com subfertilidade devido à combinação de micronutrientes 23,24
Todos os parâmetros avaliados na análise espermática apresentaram uma melhoria significativa após três meses de tratamento com o ingrediente ativo. A densidade do esperma, o volume médio ejaculado, a motilidade dos espermatozóides (para a frente e movimento total) e a morfologia normal aumentaram em 33,3; 215,5; 83,1; 36,4 e 23,0%, respetivamente. Estas melhorias foram significativamente maiores do que os do grupo de controle. Não foram registados efeitos colaterais no grupo de tratamento, e após um período de observação de seis meses foram reportadas 34 gestações, em comparação com apenas 11 gestações no grupo de controle.

Conclusão:

O estudo mostrou de forma muito expressiva que administração de PROfertil® promove um aumento significativo da qualidade do esperma, obtendo um espermograma completamente normal.